SHOWS

Acordeon com alma

O músico paulista Toninho Ferragutti traz sua sensibilidade ao palco do Clube do Choro

Por: Felipe Moraes | felipe.moraes@abril.com.br - Atualizado em

Toninho Ferragutti 2
O instrumentista: repertório autoral e homenagem a Dominguinhos. Crédito: Pierre Yves Refalo. (Foto: Pierre Yves Refalo)

Em 2015, o Clube do Choro tem prestado homenagens semanais ao acordeonista pernambucano Dominguinhos (1941-2013). Músicos que compartilham o mesmo instrumento que o mestre já frequentaram a casa nesta temporada, do popular cearense Waldonys ao virtuose gaúcho Renato Borghetti. Autor de composições sensíveis, afinadas com a leveza da MPB, Toninho Ferragutti toca no espaço esta semana, entre quarta (29) e sexta (1º de maio). No palco, ele terá a companhia de Vinicius Magalhães (violão), Oswaldo Amorim (baixo) e Leander Motta (bateria). Na ativa há mais de três décadas, o paulista deve trazer material de seu mais recente trabalho, O Sorriso da Manu (2012), uma parceria com o grupo de dança Luceros. Indicado duas vezes ao Grammy Latino por seus discos autorais, Ferragutti também já colaborou em álbuns e shows de importantes nomes da música nacional, como Gilberto Gil e Marisa Monte. Clube do Choro (400 lugares). Setor de Divulgação Cultural, quadra 3, bloco G, 3224-0599. Quarta (29) a sexta (1º de maio), 21h. R$ 20,00. Bilheteria: 10h/22h (seg. a sex.); 19h/21h30 (sáb.). Cc: todos. Cd: todos. www.clubedochoro.com.br. A casa abre às 20h.

Fonte: VEJA BRASÍLIA